• Imagem de cabeçalho do site do mestrado em estudos linguisticos

Ecos da baianidade: processos de representação discursiva dos baianos em gêneros publicitários

RESUMO:
Este projeto tem como objetivo precípuo investigar o modo como ocorre a construção discursiva da baianidade em diversos gêneros publicitários, sendo, portanto, relevante para a compreensão dos modos de representação discursiva sobre o que é ser baiano em textos publicitários. Tem como base teórica a Análise de Discurso de Linha Francesa, mais precisamente os trabalhos de Maingueneau (2005, 2007, 2010), Orlandi (2005) e Possenti (2011). Pretende-se, com o referido projeto, analisar as formações discursivas e ideológicas acerca do que é ser baiano, relacionando-as com diversas vozes constitutivas do interdiscurso e do sujeito no processo de geração de sentidos da baianidade. Uma vez que o discurso não é inocente e nem transparente, assevera-se que, no mesmo, estão em embate inúmeras posições discursivas e ideológicas que constituem a língua e o sujeito. Assim, objetiva-se compreender o modo como a representação do baiano se dá no âmbito do discurso publicitário e como esta representação é difundida nacionalmente. Objetiva-se, também, analisar o modo de subjetivação do próprio baiano em relação à construção de uma imagem de si (ethos), observando, assim, os modos de inserção do sujeito no discurso, sujeito este concebido como uma posição marcada por restrições impostas pela Formação Discursiva e Ideológica a partir das quais enuncia. O ethos, categoria discursiva proveniente da Retórica Antiga, é a imagem que o enunciador cria de si mesmo no discurso. Tal categoria foi retomada dentro da Análise de Discurso Francesa, mais especificamente na obra de Maingueneau (2005, 2006) que sistematizou e ampliou tal conceito, colocando-o dentro do escopo teórico da AD. Pretende-se observar gêneros publicitários que circulam na Bahia, mas também em outros estados do Brasil e que procuram, de uma forma ou de outra, vender determinada imagem do que é ser baiano.
OBSERVAÇÃO: O projeto já foi concluído junto à PPPG, porém, como ainda são feitas análises dos dados que o compõem, o projeto está mantido como "em andamento" por causa do vínculo das produções bibliográficas e das dissertações que utilizam os dados coletados.

Pesquisadores:
Palmira Virgínia Bahia Heine Alvarez
pavibheine@gmail.com
Recomendar esta página via e-mail: